Carregando...

domingo, 10 de fevereiro de 2008

Qual a diferença entre Atenção Farmacêutica e Assistência Farmacêutica?

Na realidade assistência farmacêutica não chega a ser diferente de atenção farmacêutica. São partes de um mesmo conceito. Sem levar em consideração a diferença que os termos atenção e assistência têm no campo da saúde pública, que merece reflexão mais aprofundada, e considerando os conceitos que constam na Política Nacional de Medicamentos e de Assistência Farmacêutica, pode-se dizer que:

  1. Assistência Farmacêutica tem sido concebida como um conjunto amplo de ações com características multiprofissionais, destinadas a apoiar as ações de saúde demandadas por uma comunidade, sendo, portanto, responsabilidade de todos e de cada um dos membros da equipe de profissionais envolvidos direta ou indiretamente com o uso de medicamentos na sociedade. A Assistência Farmacêutica é, portanto, uma atividade essencial que possibilita que os vários processos que envolvem o fármaco, desde sua pesquisa até sua utilização, ocorram de forma segura e racional beneficiando individual e coletivamente os usuários de medicamentos no país.
  2. O conceito de Atenção Farmacêutica direciona o exercício profissional do farmacêutico para o atendimento das necessidades farmacoterapêuticas do paciente e este passa a ser o seu foco principal de atenção. Desta forma, o farmacêutico assume a responsabilidade de buscar que o medicamento esteja produzindo no paciente o efeito desejado pelo médico que o prescreveu e, ao mesmo tempo, que, ao longo do tratamento, não apareçam, ou apareçam de modo mínimo, problemas indesejados possíveis e, em caso de manifestação destes problemas, que eles sejam solucionados. Portanto, a atividade de Atenção Farmacêutica faz também parte do conceito de Assistência Farmacêutica, enquanto atividade especializada, realizada pelo farmacêutico, que passa a compartilhar os resultados de seu exercício profissional clínico com os demais profissionais envolvidos no atendimento ao paciente.

Um comentário: